Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2013

27ª ESTAFETA ALCANENA RIO MAIOR

Imagem
DOIS 5º LUGARES PARA AS EQUIPAS DO UNIÃO DE TOMAR A clássica estafeta que liga Alcanena a Rio Maior, organizada conjuntamente pelos Municípios destas duas localidades, realizou-se no dia 27 de janeiro, sendo esta a 27.ª edição desta prestigiada prova. Alternando o sentido da corrida, que em 2012 se iniciou em Rio Maior com chegada a Alcanena, este ano a partida foi dada na terra dos curtumes e a chegada à Cidade do Desporto numa distância de 33,3km, isto para o sector masculino, enquanto as equipas femininas correram desde Alcanede até Rio Maior (15,6 km), em ambos os casos com equipas de seis atletas. A prova masculina teve início às 10h00h, e a feminina 45 minutos mais tarde. Esta popular competição organizada pelas Câmaras Municipais de Rio Maior e Alcanena contou ainda com o apoio das Juntas de Freguesia, Guarda Nacional Republicana, Bombeiros Voluntários e comércio e indústria dos dois concelhos. Sendo esta uma das mais antigas estafetas realizadas em Portugal, é de

CAMPEONATOS DE SANTARÉM PISTA COBERTA

ESTAFETA 4x400 METROS DO UNIÃO DE TOMAR VICE-CAMPEÃ No passado fim de semana, 12 e 13 de Janeiro, em Pombal no Pavilhão da Expocentro realizaram-se os Campeonatos de Santarém 2013 de pista coberta, duas jornadas bastante longas fruto das muitas presenças de atletas das Associações de Santarém, Leiria, Coimbra e Castelo Branco. De registar que só a nossa Associação de Santarém contou com 260 participações de mais de duzentos e trinta atletas em representação catorze clubes filiados. Nestes campeonatos foram batidos os recordes regionais, de 60 metros Fem por parte de Sofia Duarte da Escola de Atletismo Rui Silva nas categorias de Juvenis, Juniores, Sub23 e Seniores estabelecendo a marca de 7s82 e ainda nos 200 metros (2 5s89) e nos 60 metros com barreiras por parte de Tiago Marto (GAF) em Seniores ficando agora com o registo de 8s20. Coletivamente em femininos a AEA Rui Silva venceu com 138 pontos e em masculinos o GA Fátima com 153 pontos. Em masculinos o União de Tomar obte

II SÃO SILVESTRE DE SANTA CITA

MEIA CENTENA DE ATLETAS CONVIVERAM NUM EXCELENTE AMBIENTE No dia 29 de Dezembro de 2012, pelas 18 horas em Santa Cita, realizou-se mais uma edição (a segunda) da São Silvestre de Santa Cita, uma “prova” não competitiva de aventura percorrida num percurso com distância de aproximadamente 10 Km, onde o tipo de piso variava entre o alcatrão (muito pouco) e a terra batida, por estradões e alguns trilhos, em regime de autonomia pedestre, tendo como principal objetivo dinamizar a prática da modalidade e promover o convívio desportivo Em paralelo foi realizada uma caminhada com a distância de 5 Km, o que veio valorizar este invento, mostrando o grande dinamismo com que a recém criada Secção de Atletismo da ACR de Santa Cita tendo vindo a demonstrar. O material obrigatório era o indispensável equipamento para a corrida; calçado apropriado; Frontal ou lanterna (muito importante) O convívio foi o melhor resultado obtido por todos os presentes, onde não houve primeiro nem ultimo mas si

SÃO SILVESTRE DE SANTARÉM

EM QUATRO UNIONISTA TRÊS FORAM AO PÓDIO José Maduro (00:35:42,99), no sector masculino, e Ana Margarida Duarte (00:43:42,49), na competição feminina, ambos com a camisola do C.C.D. "O Alvitejo", de Vale de Figueira, foram os vencedores da I Corrida de S. Silvestre de Santarém, que se realizou na tarde de domingo, 30 de Dezembro. Dada a partida os atletas impuseram um ritmo forte, formando-se na frente um quinteto constituído por José Maduro, Luís Almeida, Paulo Pinheiro, Carlos Alves e Octávio Vicente. José Maduro e Luis Almeida foram aos poucos “tomando conta” da corrida seguindo juntos sensivelmente até ao oitavo km, onde o mais forte dos presentes (José Maduro) se isolou e venceu a prova. Luís Almeida (00:36:09,53) da Garmin Olímpico de Oeiras foi o segundo classificado da geral, e na terceira posição da geral ficou o atleta Paulo Pinheiro (00:36:22,11) que representou a equipa de Vale de Figueira do “Alvitejo”. No setor feminino, depois de Ana Margarida chegou na

XXX Edição da São Silvestre de Avis

TATIANA SANTOS (UNIÃO DE TOMAR) Á BEIRA DO PÓDIO Organizada pela Associação Desportiva e Recreativa "Amigos do Atletismo" de Avis, e Câmara Municipal de Avis, com o apoio técnico da Associação de Atletismo do Distrito de Portalegre (AADP), realizou-se no passado dia 29 de Dezembro a 30ª edição da São Silvestre de Avis, Portalegre , integrada no circuito de corridas da AADP, contou com a participação de cerca de 350 atletas de diversos escalões etários. O atleta Ricardo Mateus, do Sporting, venceu a prova principal, num percurso de 5.600 metros cortando a meta com o registo final de 15m40s, Sérgio Silva, da Conforlimpa classificou-se em segundo lugar, gastando mais seis segundos do que o vencedor, seguido de Carlos Silva, do Sporting, com 16m00s. Nesta distancia competiu o unionista João Plácido, sendo esta a sua primeira prova depois da experiencia da Maratona. João terminou em 34º lugar da geral com o tempo de 18m38s tendo ainda obtido um bom 15º lugar no seu esca

SÃO SILVESTRE DO CRATO

ALCINO SERRAS (UNIÃO DE TOMAR) REGRESSA AOS PÓDIOS Situado no Alto Alentejo, Crato é um Município com história, com um passado marcado pela presença dos pastores megalíticos e dos seus hábitos e cultura. Neste município estão inventariados mais de 70 antas, duas das quais Monumento Nacional: a Anta do Tapadão e a Anta do Crato. No passado sábado, dia 22 de Dezembro, foram 186 atletas, aqueles que quiseram visitar o Crato, não só para apreciarem os seus monumentos e gastronomia, mas também para poderem participar na XV São Silvestre em atletismo, com a prova principal de 5600 metros a ser disputada pelas principais artérias, num circuito de 1800 metros, tendo terminado esta distancia 127 atletas. Pelas 15h, ainda com o sol a marcar presença foi dada a partida para a primeira prova na distância de 200m destinada aos "pequenotes" de 2004 e anos anteriores, seguindo-se um conjunto de provas, até à prova principal dada ás 15h 50m, cumprindo assim o horário a rigor! E fo

CORTA MATO DE ABERTURA DA ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SANTAREM

E O SONHO TORNOU-SE REALIDADE Cada vez que os responsáveis da Secção de Atletismo do União FCI de Tomar passavam pela Avª. Maria de Lourdes de Mello e Castro e olhavam para os terrenos laterais, o pensamento era sempre o mesmo: “Que espaço magnífico para realizar uma prova de corta mato”. No passado domingo, dia 9 de Dezembro, esse sonho tornou-se realidade, com a realização do corta mato de abertura da Associação de Atletismo de Santarém, uma organização conjunta daquela Associação com o União de tomar e Junta de Freguesia de Santar Maria dos Olivais. Para que tudo se torna-se realidade seria necessário o apoio dos proprietários dos terrenos, que gentilmente cederam este espaço magnífico, concluindo-se no final tudo o que foi “projetado” pela Secção de Atletismo, merecendo muitos elogios por parte dos clubes presentes. No que diz respeito espetáculo desportivo, as provas tiveram inicio as 9h45 com a prova de 1000 metros para Benjamins femininos e masculinos, onde o União de T

MARATONA DE LISBOA 2012

MARATONA ALFACINHA CONSAGROU NOVOS MARATONISTAS UNIONISTAS E TOMARENSES Foram 1562 os atletas maratonistas que cortaram a meta no passado domingo dia 9 de Dezembro na maratona de Lisboa de 2012. O russo Oleg Marusin , em masculinos, e Anabela Tavares , no sector feminino, foram os grandes vencedores da 27.ª edição da Maratona de Lisboa. O vencedor concluiu a prova em 2:19.02 horas, à frente do atleta da Reboleira, estreante na distância, Bruno Fraga (2:23.02h), que se sagrou campeão nacional da Maratona, em terceiro ficou o ucraniano Anatoli Arzhekhowskiy (2:23.56 h). No campeonato Nacional o vice campeão foi Aires de Sousa (FC Penafiel) que registou no final 2:28:07 e o terceiro posto foi ocupado pelo atleta António Sousa (C Olímpico Oeiras) que terminou em 2:29:18. Anabela Tavares (Joaninhas) repetiu o triunfo do ano passado, com o registo de 2:45.44 horas e sagrando-se desta forma campeã nacional. A surpresa veio da atleta de Ferreira do Zêzere, Rute Martins (CAFZ), q

TRILHOS DA ÁGUA PÉ

MARCO MARQUES (UNIÃO DE TOMAR) VENCE No Sábado, dia primeiro deste mês de Dezembro e da restauração da independência de Portugal, feriado nacional desde a primeira metade do século XIX e o feriado civil mais antigo que sobreviveu à I República, ao Estado Novo e à chegada da Democracia, comemoraram-se 372 anos do início da revolta dos portugueses contra a dominação estrangeira e em Vale de Figueira foi dia de Festa, com a realização da 1ª edição da prova de atletismo Trilhos da Agua Pé. Com organização conjunta do CCD “O Alvitejo” e Agrupamento de Escuteiros de Vale Figueira contando ainda com o apoio da Junta de Freguesia local, cerca de duzentos atletas acompanhados de familiares e amigos honraram Vale Figueira com a sua presença. Os atletas tiveram a oportunidade de se deliciarem com um percurso extremamente belo e propício a este tipo de provas, de 14 mil metros, que os levou à borda d'água do Alviela num constante sobe e desce pelos montes e vales da zona. No sector

TORNEIO DE ABERTURA DE PISTA COBERTA

NOS 60 METROS PLANOS ATLETAS DO UNIÃO DE TOMAR MANUEL DIAS E ADILSON REIS EM EVIDENCIA Disputou-se na Nave Desportiva de Alpiarça no passado sábado dia 24 de Novembro o torneio de abertura em pista coberta, primeira prova do calendário regional da Associação de Atletismo de Santarém. A secção de atletismo do União de Tomar esteve presente com 17 atletas, sendo 16 dos escalões de formação. Este elevado número de atletas unionistas presentes marca um record de presenças no clube em competições de pista nos 17 anos. Globalmente os resultados foram muito bons, com prestações muito positivas por parte destes jovens atletas unionistas, merecendo destaque os resultados alcançados pelo infantil Manuel Dias e pelo sénior Adilson Reis, ambos na prova de 60 metros planos. Manuel Dias que venceu a sua eliminatória de 60 metros com 8s36 qualificou-se diretamente para final que viria a vencer melhorando a sua marca para 8s22. Adilson Reis efetuou um percurso igual ao seu colega de equipa

25º GRANDE PRÉMIO DA MENDIGA

JOÃO PLACIDO (UNIÃO DE TOMAR) COM BOA PRESTAÇÃO O atleta mais rápido a percorrer os 16.300 metros do percurso da 25ª edição do Grande Prémio de Atletismo da Mendiga foi o sportinguista Carlos Silva que inscreveu o seu nome e do clube pela primeira vez na galeria de vencedores. Para tal, registou no final o tempo de 50m29s, menos 30 segundos que João Vieira do Reboleira e Euclides Varela (Individual), ambos creditados com o mesmo tempo. No sector feminino, a benfiquista Vera Nunes também triunfou pela primeira vez, registando 1h00m40, Anabela Gomes dos Joaninhas de Leião foi 2ª a 1m57s, completou o pódio a individual Emilia Kumos (1h03m44). De Tomar viajaram quatro equipas (União de Tomar, ACR de Santa Cita , CALMA e Casa Josil) totalizando 19 atletas, onde o mais rápido foi João Plácido (União de Tomar) que cortou a meta com o tempo de 58m08s e na 15ª posição. Seguiu-se outro unionista Mário Crujeira (57º) que registou no final 1h02m53s. Da ACR Santa Cita o mais rápido foi Jos